Resumindo a nossa conversa…

De acordo com o texto desenvolvido, conclui-se que a sociedade, desde seus primórdios até os dias de hoje, vive segundo os paradigmas, que são o modo de enxergar e entender o mundo, sendo que este pode ser apenas da pessoa ou compartilhado por um grupo. Com os avanços tecnológicos e dentro da cybercultura surge um novo paradigma, a pós-modernidade. Sendo este um novo contexto em que os indivíduos questionam sua relação com o mundo e se tornam cada vez mais críticos, impacientes, exigentes, descrentes, egoístas e consumistas.

As características da pós-modernidade podem ser resumidas em alguns pontos, como os mercados político, econômico, social, cultural e pela facilidade de se deixar levar através da imaginação das mídias eletrônicas, e diante destas facilidades a sociedade tem se deparado com um mundo virtual cheio de imagens, sons e textos em uma velocidade instantânea tornando a vida mais prática e quebrando os paradigmas tradicionais.

Nos tempos de hoje é impossível manter um formato padrão, pois tudo está em constante mutação e com isso, temos um novo tema, a liquidez. Onde a sociedade moderna se recusa a seguir determinados tipos de padrões, pois queremos algo diferente, queremos algo líquido onde se adéqua a nossa sociedade entrando nesse meio arquitetura,o espaço e até o próprio arquiteto, deixando a possibilidade de você mesmo criar seu próprio espaço virtual, do seu próprio jeito e estilo, de modo que você se sinta livre para criar algo totalmente seu.

Imagens, sons, textos já não são como eram de costume, perderam uma base estrutural, estão em constantes alterações. Fenômeno proporcionado pela cultura da mobilidade na era da pós-modernidade. Receptor passou a ter uma grande liberdade, não aceita mais limitações, se tornam agentes. Signos e simbologias se multiplicam a cada segundo, caminhando para cada vez mais transformarmos nosso redor em algo leve e maleável.

Como atores, os nós de uma rede online (ou offline), nos apoderamos da comunicação digital de forma que estamos sempre reinventando as suas características, e adequando-as ao nosso cotidiano, de um jeito em que não separamos mais a realidade virtual da mundana. As nossas relações se dão por meio da conexão, os links. As trocas de informação por meio destes definem o quão forte são os laços.

Na área publicitária, em suma, há um momento inédito perante aos novos paradigmas da comunicação. Tudo passa a ser repensado. A sociedade pós-moderna traz consigo novos valores e percepções. Os espaços onde a publicidade poder ser trabalhada ampliam-se e seus recursos se tornam extremamente estratégicos para um público que cada vez mais possui voz e capacidade para criar. A publicidade nas redes sociais aplica a interatividade em meio de toda a tecnologia para os usuários, pois são participativos. Para isso, é necessária uma análise do perfil deles para que é comunicação entre ambas as partes seja eficaz. Tudo na comunicação deve ser estratégico e o resultado é o espelho da sociedade.

Anúncios